A EVOLUÇÃO DE UMA PROFESSORA NA FORMAÇÃO DE LICENCIANDOS DE QUÍMICA NUMA PERSPECTIVA SÓCIO-AMBIENTAL

Autores

  • Marlene Rios Melo Departamento de Química – Universidade Federal de Sergipe Av. Marechal Rondon, s/n – São Cristovão - SE
  • Alberto Villani Instituto de Física – Universidade de São Paulo Rua do Matão, Travessa R, nº 187 – São Paulo - SP

Palavras-chave:

professor-pesquisador, ensino de química, Química Verde, indicadores sócio-ambientais

Resumo

A pesquisa tem como objetivo interpretar as mudanças nas crenças e na prática docente de uma professora comprometida em estimular seus licenciandos a adotarem as questões sócio-ambientais para o desenvolvimento dos conteúdos científicos nas salas de aula.  Trata-se de uma pesquisa-ação conduzida pela professora de uma Instituição particular de Ensino Superior (IES), com a colaboração de outros pesquisadores ao longo de quatro anos, utilizando como referencial interpretativo alguns conceitos de Melanie Klein e os Discursos do Professor, elaborados a partir de analogias com os Discursos de Lacan. A análise dos dados permitiu levantar as dificuldades, os impasses e os sucessos por ela encontrados ao longo da experiência, assim como caracterizar algumas mudanças em suas crenças educacionais e em sua prática docente. Como resultado do processo foi possível estabelecer indicadores sócio-ambientais que permitiram avaliar tanto a evolução da professora, quanto os projetos de ensino dos licenciandos.

Downloads

Publicado

2016-07-13

Como Citar

Melo, M. R., & Villani, A. (2016). A EVOLUÇÃO DE UMA PROFESSORA NA FORMAÇÃO DE LICENCIANDOS DE QUÍMICA NUMA PERSPECTIVA SÓCIO-AMBIENTAL. Investigações Em Ensino De Ciências, 16(2), 291–315. Recuperado de https://ienci.if.ufrgs.br/index.php/ienci/article/view/231

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >> 

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.